» Dinheiro » Negócios » Adiantamento férias: como funciona

Adiantamento férias: como funciona

Galeria
Adiantamento férias: como funciona

As leis trabalhistas, em sua essência, sempre procuram ser claras com relação aos direitos e deveres das empresas e funcionários. Porém, as vezes, algumas nomenclaturas acabam por dificultar a compreensão das pessoas que não possuem muitos conhecimentos sobre o assunto. Emboras, a maioria das pessoas, saibam o que significa cada tipo de pagamento efetuado pela empresa, não têm clareza de cálculos e do real funcionamento desses pagamentos. Um caso tipico é o adiantamento de férias. Os funcionários sabem que têm direito a férias remuneradas, mas não sabe exatamente como funciona esse adiantamento e qual o valor a receber. Mas essas dicas solucionarão essa dúvida.

Instruções
  1. 1

    Quando o funcionário trabalha 12 meses (no primeiro ano e onze nos outros) numa empresa, ele terá direito a descansar durante trinta dias. Mesmo assim continuará recebendo o salário e ainda receberá o adiantamento de férias. Esse adiantamento nada mais é do que os 30% do salário que devem ser acrescido como adicional de férias. Esse valor é pago em cinco dias úteis antes do funcionário efetivamente começar a gozar das férias.

  2. 2

    Assim o cálculo é feito da seguinte forma: a empresa, de posse de todos os vencimentos do funcionário, inclusive horas extras, adicional noturno e comissões entre outros, soma o total e divide por 12. Dessa forma saberá a média salarial do funcionário em questão. Depois disso acrescenta-se 30% desse valor e o resultado será o adicional de férias. Lembrando que a média dos doze meses servem apenas para fins de cálculos. O único adiantamento é dos 30%. Algumas empresas possibilitam que o funcionário opte por adiantar a primeira parcela do décimo terceiro, desde que as férias sejam após o mês de fevereiro.

  3. 3

    Algumas empresas costumam adiantar até mesmo o salário do mês das férias do funcionário. Esse salário é o pagamento do mês, mesmo sem o colaborador ter trabalhado efetivamente. Com isso ele soma apenas o salário bruto do funcionário e paga com os descontos devidos entre INSS e outros. Contudo, algum outro pagamento, o qual esteja dentro do mês das férias, por motivo de fechamento de cartão ponto, ou reajuste salarial, são pagos no mês subsequente no dia normal de pagamento. É somado todos os vencimentos e depois descontado o adiantamento de férias. Em empresas que adiantam todo o salário e não apenas os 30%, normalmente o funcionário tem pouco a receber na volta.
    Nas empresas que adiantam apenas os 30%, na volta paga o salário normalmente como vencimento, visto que mesmo não estando trabalhando, o empregado têm direito ao salário.

Comentários
blog comments powered by Disqus