» Dinheiro » Negócios » Administração por objetivos

Administração por objetivos

Galeria
Administração por objetivos

A administração de objetivos é mais um entre os diversos modelos de gestão existentes, baseando-se principalmente na descentralização de decisões melhor definição no desenho de objetivos da empresa. Nesse estilo de gestão, o planejamento dos objetivos e metas a serem alcançadas é definido diretamente entre os superiores e subordinados, de forma que seu cumprimento seja possível e distribuído entre diferentes departamentos e setores da empresa, aumentando a interatividade entre os funcionários. Esse modelo torna mais fácil o controle e visualização das metas e resultados atingidos ao longo do período estabelecido.

O controle das ações é medido e mensurado com maior agilidade, e o papel do superior é intensivo durante o projeto, onde torna mais fácil revisar ações que estão abaixo das expectativas e melhorá-las. O papel atuante do superior também permite a atuação direta nos funcionários, visando sua melhoria técnica.

Para o sucesso desse modelo de gestão, é imperativo a ligação contínua e sem ruídos entre o líder e os funcionários, onde os objetivos e o papel a ser desempenhado na organização devem estar de comum entendimento entre todos . É necessário no líder a capacidade de avaliação e controle dos objetivos e dos funcionários, ao passo que estes precisam estar totalmente engajados no projeto e interados entre os diferentes departamentos da empresa.

Os objetivos pré-determinados devem estar devidamente organizados e entendidos pelos líderes, de modo sejam executados a longo prazo, e distribuídos entre os diferentes departamentos e as diversas operações englobadas em de cada um desses.

Dificuldade
Fácil
Instruções
  1. 1

    Os superiores estratégicos devem traçar um plano de objetivos e metas executáveis, onde possam ser executados com sinergia pelos departamentos necessários.

  2. 2

    Após a definição das metas, os superiores definem as atribuições de processos a cada departamento.

  3. 3

    Com a definição do desenho de ações, o plano é exposto para os funcionários, especificando os deveres de cada um e sua importância em relação aos deveres interligados de outrso departamentos.

  4. 4

    Tendo o engajamento dos colaboradores, assim como o entendimento correto de suas funções, o projeto é iniciado.

  5. 5

    A participação do líder é contínua e atuante durante o projeto, visando o controle e revisão das ações e decisões tomadas

  6. 6

    Os resultados são analisados pelos superiores e passados para os funcionários , onde cada departamento recebe o seu feedback sobre o seu desempenho e o como devem direcionar seus esforços.

  7. 7

    Ao líder fica a posição de organizar e controlar esse processo cíclico, garantindo que não haja falhas durante o projeto.

Comentários
blog comments powered by Disqus