» Hobby » Animais e Animais Domésticos » Adoção de cães: como funciona

Adoção de cães: como funciona

Galeria
Adoção de cães: como funciona

Adoção de cães é um ato de amor e generosidade para com os animais que estão carentes e necessitando de um lar, mas é preciso considerar que os bichinhos precisarão de cuidados até a velhice, por isso é muito importante adotar com essa certeza. Por outro lado, os cães fazem falta em um lar, são extremamente companheiros, afetuosos e até vigilantes.
Seguindo as dicas elementares que daremos agora, você terá melhores condições de avaliar e adotar o cachorro certo que tenha a ver com seu perfil.

Dificuldade
Fácil
Instruções
  1. 1

    Primeiro analise o perfil de sua família para que possa escolher um cão que tenha a ver com o ambiente. Esse passo é muito importante para ter uma boa convivência.
    Considere se na casa têm idosos, crianças e qual finalidade terá esse cachorro. Se é para fazer companhia, ficar na parte externa da casa para ajudar na vigilância, ou simplesmente, pelo prazer de ter um animal de estimação e tem preferência por cães.

  2. 2

    Entre em contato com a Prefeitura Municipal de sua cidade para obter informações se tem alguma secretaria que cuida dos animais, caso tenha, peça para visitar o setor e informe que você tem interesse em adotar um cachorro.

  3. 3

    Outra opção é fazer um levantamento das ONGs que se destinam a cuidar dos animais, pois muitas dessas instituições atuam no acolhimento com o propósito de encontrar um lar para os animais abandonados, que em geral são castrados e vacinados.

  4. 4

    Para adotar um cão, faça cópia (xérox) dos seguintes documentos: carteira de identidade, CPF e comprovante de residência que tenha no máximo 3 meses, ideal que seja do mês em vigor.

  5. 5

    Não leve criança. As crianças gostam muito de animais e por isso querem abraçar todos eles, pela influência você pode acabar adotando mais cães do que poderia com o risco de futuramente não conseguir ficar com todos.

  6. 6

    Escolhendo o porte do seu cão. O tamanho do seu futuro cachorro deve estar de acordo com o espaço que poderá oferecer para ele, por exemplo: para cão de porte médio a grande é preciso ter quintal para que ele possa andar e brincar, independente dos dias que poderá levá-lo para passear.

Dicas e AVISOS
  • Determine que tipo de convivência dará ao seu cãozinho, se ele terá liberdade para trafegar pela casa ou se ficará restrito apenas ao quintal. Com base nessa informação, poderá delimitar o espaço físico onde o cão circulará, de modo que deverá desde a adoção habituá-lo com a rotina da casa.
  • Em muitas cidades, o processo de adoção de cães tem como referência fazer visitas agendadas para conferir a saúde do animal e tirar dúvidas que o adotante possa ter.
  • No ato da adoção, confirme a data em que o cão foi vacinado e quais foram as vacinas.
Comentários
blog comments powered by Disqus