» Casa » Segurança e Dicas Domésticas » Caixa de gordura: conheça modelos

Caixa de gordura: conheça modelos

Galeria
Caixa de gordura: conheça modelos

Para uma boa construção e a prevenção de demais problemas é necessária a instalação de uma caixa de gordura. Ela é utilizada para acumular a gordura dispensada na cozinha ou outro cômodo. Essa gordura pode ser nociva a tubulação. Caso não seja instalada a tubulação pode entupir, e no pior dos casos, ter de quebrá-la para ter de consertar. Dependendo do modelo de caixa de gordura utilizado, o próprio morador pode fazer a instalação, se ele possuir o mínimo de conhecimento para reformas. Conheça os principais modelos e dicas de como escolher a caixa de gordura.

Dificuldade
Fácil
Instruções
  1. 1

    Existem diversos tipos de caixa de gordura e ainda a possibilidade de construir uma. As disponíveis para venda são de PVC e concreto. Elas podem ser circulares ou quadradas e possuem duas divisões. A superior é menor e recebe o encanamento de onde pode vir a gordura. A segunda possui as entradas para o encanamento que vai para o esgoto. É nessa divisão que fica o acúmulo de gordura, sem deixar que vá para o restante do encanamento. As menores possuem cerca de 30 cm de diâmetro, nos modelos circulares e 28 cm de lado para os modelos de formato quadrado. Ambas possuem tampas de ferro ou PVC, mesmo as circulares podem apresentar uma tampa quadrada, para melhor fixação.

  2. 2

    Os modelos feitos de alvenaria podem ser construídos e funcionam perfeitamente, desde que atendam os requisitos para a retenção da gordura. Para isso ela deve ter duas seções, que podem ser horizontais. Na parte que recebe a gordura deve ser fixado um cano de altura inferior ao cano da saída. São indicadas as seguintes dimensões: 30 x 37 x 2. Elas são indicadas para locais onde uma caixa vendida nas lojas de materiais de construção não suportam a gordura produzida.

  3. 3

    É necessário verificar antes de instalação se há a capacidade de acúmulo gordura adequada para a residência. O encanamento de entrada e saída permite que a água que chega possa sair normalmente. A entrada e saída devem apresentar um tamanho que se encaixa com o restante da tubulação. A distância entre a entrada e a saída devem ter um desnível suficiente para reter a gordura, evitando assim, que o material seja arrastado. Ou seja a a parte que vai para a o esgoto deve estar em um nível acima, para que a gordura fique retida na caixa. Ela deve estar bem vedada para não haver a presença de insetos e roedores indesejados. Para melhor utilização é necessário limpar a caixa de gordura, seja qual for o modelo.

Comentários
blog comments powered by Disqus