» Dinheiro » Carreiras » Como abrir uma ong

Como abrir uma ong

Galeria
Como abrir uma ong

A ONG é uma empresa do terceiro setor do tipo “organização não-governamental”, que mesmo não sendo propriamente do governo tem uma finalidade pública e não visa lucros.
As áreas de atuação das ONG’s são as mais diversas, saúde, meio-ambiente, reciclagem, desenvolvimento sustentável e educação são os mais comuns.

Instruções
  1. 1

    As ONG's atuam onde o Estado não consegue atuar, e recebem patrocínio Federal, Estadual e de empresas privadas para realizar suas atividades, através de doações. Os funcionários das ONG's geralmente são voluntários.
    Para abrir uma ONG, o primeiro passo é definir uma área de atuação, a abrangência daquela área, pesquise se a área que você gostaria de atuar na cidade, já não está comprometida com algum outro órgão, e junte pessoas que tenham o mesmo interesse, para trabalhar juntos.
    Toda empresa deve possuir um Estatuto. Elabore um com a ajuda de outras pessoas, descrevendo as diretrizes da empresa, cargos e especificações, e depois de pronto faça uma Assembléia Constitutiva para formalizar a abertura da ONG.
    Para essa cerimônia, não existe número mínimo ou máximo de pessoas presentes, porém deve ter o suficiente para o preenchimento de todos os cargos.

  2. 2

    A assembleia deveria ter uma ata, a qual o secretário e o presidente de mesa devem assinar.
    O estatuto deve ser aprovado e qualquer alteração deve ser votada e colocada no fim do documento, e depois é decidido o Diretor da ONG. Em todas as reuniões devem constar a ata e a lista de presença, que deve ter nome e o CPF de todos os presentes. O estatuto deve ser aprovado por um advogado devidamente registrado.
    O conselho deve elaborar, também, um documento de pessoa jurídica para ser registrado no cartório, com os dados dos membros fundadores como nome, endereço, CPF e RG.
    Todos os documentos devem ser devidamente arquivados na sede da ONG, para ficar disponível sempre que preciso.

  3. 3

    Os documentos que precisam ser levados para o cartório são: estatuto, ata de assembléia constitutiva, lista de presença da assembléia, lista de componentes do conselho diretor, lista de membros fundadores e o requerimento de registro de associação civil.
    Um contador deve ser oficialmente contratado, pois ele que cuida da parte de registro junto à Receita Federal, que trata da isenção de impostos, e pega o registro de CNPJ. O local escolhido para o funcionamento da ONG deve ser um local especial destinado a esse fim, não sendo possível abrir ONG na casa particular de algum fundador.
    Como as ONGs não tem fins lucrativos, e tem objetivo de ajudar a sociedade como um todo, é possível que se possa pedir para o Juiz do município que releve as despesas com as taxas cobradas, programa chamado de Justiça Gratuita.
    A isenção poderá ser emitida em alguns dias.

Comentários
blog comments powered by Disqus