» Casa » Segurança e Dicas Domésticas » Como calcular mediana

Como calcular mediana

Galeria
Como calcular mediana

Estatisticamente, o termo mediana define um valor de uma sequência de valores que nos fornece uma tendência central, isto é, após uma análise detalhada desta sequência de valores que costuma ser designada por amostra que temos pela frente, a mediana faz uma separação da amostra que a gente tem, ou seja, tendo uma amostra por exemplo de notas da escola a mediana faz a separação desse grupo de dados em duas partes iguais, separando numa metade inferior da amostra, também chamada de distribuição de probabilidade, da metade superior da amostra, separando assim a amostragem total em metade da população com valores inferiores ou iguais à mediana e a outra metade da população com valores iguais ou superiores à mediana.
Não se deve confundir esta definição de mediana estatística com a mediana utilizada na geometria, já que esta utilizada em figuras geométricas é usada por exemplo quando temos um triângulo, sendo a mediana a reta que liga um vértice do triângulo ao ponto médio do vértice oposto. Mas neste caso, o importante é ensinar a calcular a mediana da estatística.

Dificuldade
Fácil
Instruções
  1. 1

    O cálculo da mediana tem como objetivo a localização do centro da amostragem, que tendo uma amostra pode ser realizada facilmente tendo apenas em atenção alguns passos simples. Tendo uma amostra, em primeiro lugar tem de ser fazer um ordenamento dos elementos da mesma, por exemplo, tendo a amostra 1 – 7 – 3 - 9 – 4 teremos de colocar 1 – 3 – 4 – 7 – 9, por ordem crescente. Em seguida, a mediana é o valor que divide a amostra ao meio, independentemente de esse número estar contida na amostra ou não, isto é, metade dos elementos da amostra são menores ou iguais à mediana e a outra metade são maiores ou iguais à mediana, como já tinha sido referido.

    Para isso, é utilizada uma regra com as duas situações possíveis, quando se analisa a amostra:
    1) Se a amostra for constituída por um número de elementos ímpares como no próximo exemplo, a mediana é por lógica o elemento médio da amostra.
    Por exemplo, tendo a seguinte amostragem: 10, 15, 16, 18, 20. Nesta situação, a mediana é 16 porque a amostragem tem quantidade ímpar e 16 é o número do meio.

    2) Se a amostra for constituída por um número de elementos par como no próximo exemplo, terá de se encontrar os dois elementos do meio da amostragem, somando-os e dividindo por dois.
    Por exemplo, tendo a seguinte amostragem: 10, 13, 13, 15, 16, 20. Nesta situação, a mediana é 14 porque como a amostragem tem quantidade par, e os dois elementos do meio são 13 e 15, temos (13+15)/2=14. A mediana é 14.

Comentários
blog comments powered by Disqus