» Dinheiro » Negócios » Como cancelar o mei

Como cancelar o mei

Galeria
Como cancelar o mei

O Brasil se tornou um país empreendedor. Nas primeiras colocações mundiais de um povo criativo, que não mais espera por um crise passar e sim aproveita a oportunidade com ótimas idéias e criações. Toda essa malemolência é muito apreciada pelos europeus e norte-americanos, muitos importam nossas ideias, ou vêm direto morar, trabalhar e viver por aqui.

O espírito é de trabalho, luta e a percepção de uma vida melhor e mais sustentável. Cada um faz sua parte, desde o empreendedor no momento que procura especialização, até o governo federal com mais alternativas para tornar mais profissional a prática no país. Tudo legalizado, passado a limpo e certo para que todos possam participar de concorrências, ter CNPJ, ou seja todos os registros necessários para se constar um empreendimento sério.

Foi com essa demanda que nasceu o 'Micro Empreendedor Individual' (também conhecido como MEI), sob a Lei Complementar 128/2008, com menos taxas a serem pagas, os autônomos podem tirar seu negócio da informalidade e tornar o empreendimento mais respeitado na esfera empresarial.

Para entrar e fazer parte desse formato é simples e 80% do processo pode ser feito através da internet. Porém, um dos graves defeitos apontados por especialistas da área é a falta de uma planejamento de negócios, que possa conduzir passo a passo para o sucesso e objetivo maior da empresa.

Assim em determinados momentos, muitos se dão conta que não era bem isso que queria adquirir, mais responsabilidades. Mas já está tudo registrado e sacramentado junto com a Receita Federal do país. Abaixo veja como retirar seu nome e CPF do cadastro do MEI (Micro Empreendedor Individual).

Instruções
  1. 1

    Verifique se todos os pagamentos estão dia, pois caso contrário deverá quitar para que seja feita a baixa.

  2. 2

    Dirija-se a Junta Comercial do estado que o MEI foi cadastrado.

    Comprar na papelaria uma Capa de Processo e preencher o Requerimento do Empresário.

  3. 3

    Após a baixa na Junta Comercial é necessário também fazer a mesma solicitação, mas agora do CNPJ junto à Receita Federal, através da entrega do Documento Básico de Entrada (DBE).

Dicas e AVISOS
  • Faça um levantamento de mercado. Reuna informações pertinentes sobre concorrentes, público e os benefícios que pretende oferecer.
  • Tenha sempre em mente flexível para alterações no projeto, nem sempre 100% saí exatamente como se foi planejado.
  • Com as informações coletadas monte um Planejamento de Negócios. Desde o início fixe o hábito de sempre acompanhar o que acontece, assim terá mais conhecimento para tomar decisões rápidas e eficazes.
Comentários
blog comments powered by Disqus