» Hobby » Artes e Entretenimento » Como cantar com o diafragma

Como cantar com o diafragma

Galeria
Como cantar com o diafragma

Cantar representa para diversas pessoas liberdade e exuberância de habilidade musical. Só que para atingir um nível de exuberância e longevidade profissional é preciso seguir os passos corretos para cantar. Esse artigo apresentará diversos passos para que você entenda como cantar corretamente, isto é, basicamente como cantar com o diafragma.

Importante salientar que para consultas sobre definição de termos procure como cantar com o diafragma Wikipedia ou consulte um professor de canto, já que esse artigo apresentará diversos conceitos que demandam abstração e criatividade do leitor sem qualquer esclarecimento adicional. É levado em consideração que o leitor também tem um conhecimento mínimo vocal e canta de modo razoável.

Respiração adequada é necessária para atingir as notas de forma correta e sem danificar as cordas vocais. Um dos erros mais comuns dos cantores é usarem a garganta como principal via para cantar a todo o momento, o que resulta em lesão nas cordas vocais em 90% das vezes e fatalmente em cirurgia se persistindo.

Lembre-se que o diafragma deve ser a sua principal via para cantar em 90% das vezes. É empregando diversas técnicas, inclusive essa, que os maiores artistas do mundo conseguem fazer uma média de 200 shows por ano sem ter que passar por qualquer tipo de cirurgia.

Dificuldade
Fácil
Instruções
  1. 1

    Aprenda a respirar corretamente e na hora certa.

    Existem diversas vezes em que é difícil acertar aquela determinada nota aguda ou sustentá-la por um tempo a mais até que o baterista consiga virar para chegar ao refrão dando um efeito de maestria a música. Independente de você saber como respirar pelo diafragma, é importantíssimo você respirar nos momentos corretos. Quando você acerta a nota e não consegue sustentá-la, é devido a respiração no momento errado em 90% das vezes. Tendo isso em mente, o modo mais sistemático de evitar que isso aconteça é marcar a letra da música nos momentos onde você deve respirar. Mesmo soando trabalhoso, após a segunda vez que você cantar olhando para o seu “mapa da respiração” é possível internalizar os intervalos e atingir todas as notas possíveis para a sua voz. Experimente esse exercício e observe os resultados.

  2. 2

    Pratique exercícios de relaxamento e aquecimento

    Cantar com o diafragma é fácil após você praticar exercícios de relaxamento e aquecimento. Respire fundo e solte o ar devagar aumentando gradativamente o tempo que você demora a liberar o ar completamente até no máximo 15 segundos. Para profissionais experientes é possível atingir até 20 segundos. Existem outros exercícios para trabalhar com o diafragma mas esse é o mais simples de ser explicado em palavras. Quando você se sentir confortável com esse procure outros exercícios e naturalmente prefira os vídeos.

  3. 3

    Entenda que com o diafragma não é possível cantar tudo

    A dica mais importante e sem dúvida a ideia que precisa ser inculcada na cabeça de qualquer cantor é: Saber que não é possível cantar tudo somente porque você canta corretamente com o diafragma. Todo ser humano tem limitações e poucos cantores têm a versatilidade de cantar diversos estilos com maestria, no entanto todos conhecem os seus limites.

    A sua voz é única e não adianta você desejar atingir notas altíssimas ou baixíssimas porque o seu alcance vocal já está determinado. Com o diafragma é possível explorar o seu potencial máximo, mas o máximo não é tudo. Tenha isso em mente para saber como se cantar com o diafragma conscientemente.


    Boa sorte!

Comentários
blog comments powered by Disqus