» Família » Bem-Estar da Família » Como cuidar mordidas mais fortes de cachorro

Como cuidar mordidas mais fortes de cachorro

Galeria
Como cuidar mordidas mais fortes de cachorro

Levar uma mordida de cachorro faz com que muitas pessoas fiquem traumatizadas, a ponto de não conseguirem sequer andar na mesma calçada em que o dono passeia com seu cão na coleira. O trauma desencadeia fobias que em muitos casos é preciso um longo tempo de terapia para entender que o medo está se mascarando em outros segmentos da vida, mesmo os que não envolvem nenhum tipo de animal.
Quando criança, o ser humano tende a se aproximar dos animais por não percebere o perigo, por isso é comum a maior parte dos casos que envolvem mordidas serem na infância e os danos chegam à fase adulta em forma de fobia.
Alguns cuidados devem ser tomados para cuidar no momento da mordida.

Instruções
  1. 1

    Animais domésticos estão presentes na grande maioria dos lares, sendo que a grande maioria são os cães. Ao longo dos tempos, esses animais tornaram-se companheiro do homem de modo que passaram a ser chamados de melhor amigo.
    Escolha a raça e porte do cachorro de acordo com as características do ambiente que é destinado ao animal.
    Antes de levar seu novo cão para casa, entenda que algumas raças são menos agressivas oferecendo menor risco para quem tem em casa crianças e idosos.

  2. 2

    Quando se é mordido por um cão, o primeiro passo é lavar a ferida com água em abundância e sabão, de preferência, abra uma torneira ou mangueira, se tiver no quintal, para remover ao máximo a saliva do cachorro. Mesmo sentindo muita dor produzida pela mordida, esse procedimento é muito importante.
    Com o auxílio de uma toalha limpa ou gaze, faça um pouco de pressão sobre o ferimento, dessa forma estancará o sangramento ou ao menos reduzirá, caso a mordida tenha sido muito profunda.
    Leve a vítima ao Pronto Socorro mesmo que o animal esteja com as vacinas em dia, para que o médico possa indicar medicamentos para dor e demais cuidados para o ferimento, como realização de sutura (pontos).

Dicas e AVISOS
  • Raiva é uma doença transmissível, perigosa e fatal. Mantenha seus animais vacinados independente se de raça pura ou sem raça definida (vira-lata).
Comentários
blog comments powered by Disqus