» Família » Bem-Estar da Família » Como escolher o melhor remédio para menopausa

Como escolher o melhor remédio para menopausa

Galeria
Como escolher o melhor remédio para menopausa

Definir para si qual o melhor remédio para tratamento da menopausa é uma escolha que precisa passar pelo crivo do que se espera do tratamento, e para isso; as dúvidas nos levam a decidir entre os medicamentos sintéticos e os fito-hormônios . Benefícios e riscos que cada um oferece. É o que juntos, vamos analisar nesse artigo

Instruções
  1. 1

    Tratamento para menopausa é uma escolha que deve ser analisada entre médico e paciente. Essa escolha tem a ver com o estilo de vida da paciente como um todo, considerando os hábitos da mesma quanto à alimentação e atividade física, para que a resposta do tratamento seja satisfatória.
    Com a queda da produção do hormônio Estrogênio, surgem os sintomas mais comuns decorrentes da menopausa como: irritabilidade, suores noturnos, ondas de calor, ressecamento da pele, depressão e ressecamento vaginal. Este período é denominado climatério.
    Com o avanço das pesquisas científicas, com o intuito de ampliar e testar a eficácia dos medicamentos recomendados para o tratamento da menopausa, surgiram discussões sobre qual tratamento levaria a mulher a ter a melhor qualidade de vida com uso de medicamentos, e seguindo o princípio de benefícios e danos, foram analisados todos os tratamentos indicados, inclusive com remédios fitoterápicos.

    Terapia de Reposição Hormonal: Esse tratamento requer que as pacientes façam uso de remédios que visam compensar as perdas hormonais na menopausa. A reposição do hormônio estrogênio se faz necessário para minimizar os sintomas e ajudar a proteger os ossos, ou retardar a osteoporose.

    Efeitos: Optando pela medicação sintética da Terapia de reposição hormonal, médicos aconselham atualmente a utilização de medicação com baixa dose de hormônios, pois os mesmos, segundo pesquisas na Inglaterra, podem aumentar os riscos do câncer de mama, por isso a dose diária deve ser a menor possível, dentro da necessidade de cada paciente, reduzindo assim os efeitos colaterais. Outra orientação é que, para mulheres que esperam mais de 01 ano após o início da menopausa para iniciar o tratamento, os riscos de câncer e doenças vasculares com o tratamento sintético, tendem a aumentar mais do que nas que começaram antes.

    Tratamento com fito-hormônios: Para melhor definir, esse tratamento natural que não utiliza medicamentos, mas sim, alimentação balanceada rica em alimentos específicos ricos em hormônios. São os fito-esteroides e fito-estrogênios.

    Resultados: Esse tratamento não oferece efeitos colaterais, mas o tempo para a diminuição dos sintomas da menopausa é maior.

Dicas e AVISOS
  • Antes de escolher quais os medicamentos e o melhor tratamento, é necessário consultar seu médico. Vale lembrar, que em ambos os tratamentos, praticar exercícios físicos é fundamental assim como novos hábitos que incluem; parar de fumar e reduzir o consumo de álcool.
Comentários
blog comments powered by Disqus