» Hobby » Cultura e Sociedade » Como fazer a captação de recursos do BNDES

Como fazer a captação de recursos do BNDES

Galeria
Como fazer a captação de recursos do BNDES

Quando as pessoas ouvem falar no Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES imaginam algo distante, longe da própria realidade. É fato que desde a sua fundação, em 1952, esta empresa pública federal financia grandes obras de infraestrutura de transportes urbanos, geração de energia, comunicações, entre outras que influenciaram no crescimento e desenvolvimento do nosso país. No entanto, o BNDES também disponibiliza linhas de crédito para as micros, pequenas e médias empresas, incluindo também economias informais, ou seja, pessoas físicas.

A missão do BNDES é “promover o desenvolvimento sustentável e competitivo da economia brasileira, com geração de emprego e redução das desigualdades sociais e regionais”. Para cumprir esta função, o banco disponibiliza vários tipos de financiamentos personalizados para cada tipo de negócio e tamanho. A gama de crédito vai desde produtos como o BNDES Progeren – voltado para indústrias extrativistas de petróleo e gás natural – até o Cartão BNDES – crédito pré-aprovado, ideal para a compra de computadores, móveis, materiais de construção a uma taxa de juros atrativa que gira em torno de 1% ao mês. Além do Programa BNDES de Microcrédito criado para pequenos empreendedores, pessoas físicas e jurídicas que desejam dar um up no seu negócio.

Instruções
  1. 1

    As linhas de crédito e programas do BNDES são destinadas a fins específicos, portanto antes de procurar uma instituição financeira credenciada pelo banco é necessário ter clareza daquilo que se pretende adquirir.

    Defina a finalidade do crédito que você está buscando. Lembre-se que é possível a captação de recursos para adquirir um ou mais bens mobilizados (veículos) ou imobilizados (maquinas ou equipamentos); insumos; instalações; contratação de serviços; materiais de construção civil; fabricação de CD, DVD e impressão de livros; desenvolvimento e inovação; projetos de engenharia; treinamento de pessoal; novas instalações; licenças de software; fabricação de bens, inclusive destinados à exportação; investimentos em agropecuária, no caso de pessoa física; capital de giro.

  2. 2

    - Faça uma pesquisa detalhada sobre os tipos, marcas, valores, especificações do(s) produto(s) ou serviço(s) que pretende adquirir ou contratar por meio de jornais, Internet, encartes, publicações especializadas.

    - Coloque sua pesquisa no papel de maneira clara e sucinta. Se houver possibilidade, monte uma planilha com as principais informações.

    Exemplo:

    Quantidade I Produto/Serviço I Modelo I Fabricante I Especificações I Distribuidor I Valor ...

    - Esta ação facilitará demonstrar suas necessidades na hora de buscar crédito, além de familiarizá-lo com o assunto.

  3. 3

    Você já decidiu o que precisa adquirir para montar ou incrementar seu negócio, lembrando que o BNDES não exige tempo mínimo de faturamento. As chances de conseguir ou não o crédito vai depender da clareza de seus objetivos e sua capacidade de honrar o compromisso financeiro que pretende assumir.

    - Retome sua planilha e pesquise o fabricante ou distribuidor, certifique-se que seja uma empresa legalmente constituída (pesquise a situação cadastral no site da Receita Federal:http://www.receita.fazenda.gov.br/pessoajuridica/cnpj/cnpjreva/cnpjreva_solicitacao.asp). É necessário que o fabricante ou distribuidor seja credenciado ao BNDES. No Brasil já são cerca de 30 mil fornecedores credenciados.

    - Contacte o fabricante ou o distribuidor e solicite um orçamento detalhado do(s) produto(s) a ser(em) financiado(s), lembrando que o documento deverá conter o número de identificação da empresa no BNDES .Lembre-se que a exatidão das informações prestadas facilita a aprovação do crédito

    - Projeto de Investimento

    O financiamento pode ser também para um conjunto de ações de visem, por exemplo, a construção de uma nova unidade de negócio. Para isso podem ser necessárias reformas, novas instalações, novas máquinas e até veículos. O BNDES também contempla esta modalidade, a qual nomeia de “Projeto de Investimento” e que pode ser dividido em três patamares: implantação, ampliação ou modernização de empreendimentos.

    Neste caso, o banco-parceiro terá a competência de verificar a viabilidade econômica do empreendimento, lembrando que o recurso financeiro só poderá ser aplicado para um fim específico. Alguns bancos oferecem inclusive um formulário próprio para ajudar o cliente nesta tarefa.

  4. 4

    Você já sabe o que pretende adquirir, identificou os fornecedores, fabricantes, prestadores de serviços legalmente constituídos e credenciados pelo BNDES, e provavelmente tem em suas mãos o(s) orçamento(s) que facilitará a obtenção do crédito.

    - Procure um banco brasileiro credenciado pelo BNDES, pois a própria Instituição não possui agências Consulte na Internet esta relação que pode auxiliá-lo: www.bndes.gov.br/instituições.

    Em todo o território nacional a maioria dos bancos já é parceiro e seus gerentes estão preparados para orientar qual a melhor opção crédito de acordo com o negócio e capacidade de pagamento. Os bancos tem liberdade para aprovar ou não a solicitação e o procedimento e documentação exigida é variável de acordo com a política da instituição financeira que você escolheu.

    Veja algumas opções:

    - BNDES Automático – Financiamento de projetos para micro, pequenas e médias empresas;
    - BNDES Finame – Aquisição de Bens de Capital;
    - BNDES Prosoft – Financia a aquisição de softwares desenvolvidos no Brasil;


Comentários
blog comments powered by Disqus