» Hobby » Cultura e Sociedade » Como fazer uma carta motivacional para uma bolsa

Como fazer uma carta motivacional para uma bolsa

Galeria
Como fazer uma carta motivacional para uma bolsa

Atualmente muitas famílias passam por dificuldades financeiras, obrigando a população mais jovem a abandonar de forma precoce os estudos.

Você precisa saber, que para estudar ou para se iniciar no mundo laboral existem entidades às quais você pode solicitar uma bolsa. No caso de você ser estudante essa bolsa permite cobrir algumas despesas como alojamento, mensalidades da universidade, alimentação, etc. Quando você termina os estudos pode igualmente concorrer a bolsas de trabalho que o ajudam a integrar-se no mercado laboral e adquirir experiência.

Dificuldade
Fácil
Instruções
  1. 1

    Em qualquer tipo de candidatura todos os detalhes são fundamentais e são muitas vezes esses que decidem e formulam o resultado final. Existe uma imensidão de pessoas que concorrem a bolsas de estudo e é precisamente a carta motivacional que pode marcar a diferença entre ser um dos beneficiados ou não.

    a) Como o próprio nome indica você deve especificar de forma muito clara e concisa qual a sua motivação e o seu grau: quanto mais motivado você se demonstrar, mais hipóteses terá, uma vez que a sua motivação será diretamente proporcional ao seu empenho e dedicação.

    b) Logicamente que você deve redigir uma carta em bom Português, como qualquer outro texto. Escreva frases diretas, objetivas e curtas, com as ideias bem claras e definidas e os seus objetivos bem delineados. Faça sempre um elo de ligação entre os parágrafos, evitando assim que a mensagem se perca ou seja mal interpretada. Lembre-se que você escreve, não para você entender, mas sim para o júri de avaliação.

    c) Lembre-se de referir com precisão e na totalidade os seus objetivos acadêmicos e perspetivas de futuro. Coloque a fasquia bem alto nos seus objetivos, isso transmite um elevado grau de compromisso e confirmação que você não é um desistente. Fale dos seus sonhos e das suas convicções de futuro, daquilo que você espera da respetiva entidade e aquilo que você está disposto a retribuir. Isso demonstra a sua maturidade e responsabilidade.

    d) Procure escrever sempre de forma profissional, preferindo dar maior visibilidade às suas competências sociais, técnicas e profissionais e não entrando na vertente do pedir esmola ou tentando estimular o sentimento de pena.

    e) Demonstre sempre o profundo conhecimento que você tem (se não tem pesquise) sobre a entidade em questão, história passada e estado atual, demonstrando o seu nível de interesse e dedicação.

    Lembre-se de demonstrar sempre confiança e crença. No momento da concepção da carta motivacional assegure-se que não existem problemas na sua cabeça ou outras coisas incomodando. Estados de apreensão ou insegurança são passados de forma inconsciente para a escrita. Leia várias vezes a carta antes de submeter, procurando qualquer erro ou inconsistência.

Comentários
blog comments powered by Disqus