» Hobby » Artes e Entretenimento » Como rimar

Como rimar

Galeria
Como rimar

Para criar uma boa composição musical, é necessário estar atentos a todos os detalhes que dizem respeito à harmonia, ritmo e principalmente a letra da canção, já que é ela que vai transmitir a mensagem desejada às pessoas. A letra de uma música é feita em forma de poemas, ou seja, com versos e estrofes, além do refrão. Para criar uma boa dinâmica na declamação desta letra, são utilizadas as rimas, que são palavras com som semelhante que ajudam na cadência do poema.

Dificuldade
Fácil
Instruções
  1. 1

    As rimas acontecem pelo uso de palavras homófonas, que são palavras de pronuncia igual, mas escrita diferente, por exemplo, “sessão (de cinema) e seção (departamento de loja), que embora não sejam escritas igualmente, a maneira de pronunciar elas é a mesma. No uso de palavras que formam homônimos perfeitos, onde tanto a escrita quanto a pronuncia, são exatamente iguais, mudando apenas o sentido da palavra, por exemplo, “verão (substantivo) e verão (futuro do verbo ver)”. E principalmente no uso de palavras que apenas tem terminações semelhantes, por exemplo, a palavra “botão” com a palavra “sabão”.

  2. 2

    Mesmo não existindo regras de composição numa poesia ou numa música, pois isto limitaria a criatividade do compositor, há sim regras de escrita de poemas que ajudam muito no ritmo da leitura. Estas regras consistem na divisão que será criada entre os versos, para formar as rimas. Considerando uma estrofe de quatro versos numa música, as divisões podem ser formando rimas entre dois versos seguidos (primeiro com o segundo e terceiro com o quarto); intercalando as rimas verso sim, verso não (primeiro com o terceiro e segundo com o quarto), rimando todas as linhas, ou mesmo criando rimas somente entre dois versos da estrofe, tudo vai depender do ritmo que queira ser dado ao poema.

  3. 3

    Estas regras servem apenas como base para formar uma boa cadência entre as rimas, mas nada impede que sejam criados outros tipos de combinação, ou mesmo misturar várias combinações. No caso de cantores repentistas, que fazem desafios de rimas, tudo depende da criatividade e conhecimento de cada um, para formar rimas entre as palavras, quanto mais treino houver, mais rapidez terá para rimá-las. Já quem compõe músicas conceituais, onde há toda uma temática, o ideal é sempre fazer vários testes de divisão nas estrofes, para ver qual combinação de rimas irá se encaixar melhor na proposta da música desenvolvida, sempre podendo variar de uma estrofe para outra.

Comentários
blog comments powered by Disqus