» Hobby » Cultura e Sociedade » Como ser meseiro nas eleições

Como ser meseiro nas eleições

Galeria
Como ser meseiro nas eleições

A democracia nasceu com os gregos e por volta de VI a.C. foi utilizado o sistema de voto pela primeira, vez, para escolher se um determinado cidadão deveria passar 10 anos exilado. Desde então, o sistema de votos vem sendo usado como característica essencial da democracia e, com o aperfeiçoamento das técnicas e tecnologias, assim como com as mudanças de pensamento que ocorrem globalmente, o voto vem se tornando cada vez mais estendido a toda população.
Para organizar e contabilizar os votos, é necessário um grande número de pessoas colaboradoras. Elas que indicam locais de voto, organizam os livros de assinaturas, os comprovantes de voto, enfim, ajudam de maneira geral os votantes, são escolhidas por meio de dados de voluntários ou convocados pelo Estado, de maneira aleatória (o que fortifica a transparência e imparcialidade do sistema eleitoral): os mesários. Como as eleições são de interesse público, ser mesário é contribuição social e fortalecimento da consciência democrática.

Dificuldade
Fácil
Instruções

Coisas que você precisa

  • Endereço do cartório eleitoral
  • Conexão à internet
  1. 1

    Inscreva-se num cartório eleitoral ou no site do TRE de seu estado. Os inscritos voluntários são chamados logo quando há necessidade, desta forma, o número de convocados para mesário diminui.

Dicas e AVISOS
  • Caso chamado, a pessoa deverá ser mesário, senão, poderá ser acusada de desobediência. O mesário tem 30 dias para apresentar uma justificativa para a ausência, caso contrário, será penalizado pela falta.
  • Se inscrever não é garantia de ser chamado, tudo dependerá da necessidade de mesários ou não em sua zona eleitoral.
  • O mesário, além de receber auxílio-alimentação, tem direito a dois dias de folga em seu emprego, seja em instituições públicas ou empresas privadas, para cada dia trabalhado nas eleições. O comprovante de mesário, emitido pelo chefe do cartório eleitoral, pode servir de desempate para concursos públicos e promoções no setor público.
  • Caso não compareça no dia da eleição e seja servidor público, o mesário poderá receber penalidade de 15 dias de suspensão, caso a mesa não trabalhe regularmente por conta de sua falta, a penalidade poderá ser duplicada.
  • Parentes de candidatos não podem ser mesários, inclusive cônjuges. Assim como membros de função executiva de partidos políticos, autoridades policiais, servidores do serviço eleitoral e de cargo de confiança do Executivo, e, por último, eleitores com menos de 18 anos.
Comentários
blog comments powered by Disqus