» Família » Bem-Estar da Família » Como tratar mordidas de animais raivosos

Como tratar mordidas de animais raivosos

Galeria
Como tratar mordidas de animais raivosos

Muita gente associa a raiva com uma doença que está presente em cães e que pode facilmente ser identificada pelas atitudes dos animais. Mas não é bem assim que acontece. A raiva também pode ser uma doença silenciosa, que ataca o organismo enquanto os sinais conhecidos externos não aparecem. Somente depois que a doença já está no controle que os sinais conhecidos são externos, facilitando assim a identificação da doença. Também não é verdade que somente cães tenha raiva, podendo estar presente em praticamente todos os animais mamíferos e alguns peçonhentos.
A raiva é uma doença muito conhecida no Brasil e em diversos outros países, estando presente na vida das pessoas há muitos anos. Apesar de todos os esforços médicos, a doença ainda pode ser considerada letal em seres humanos. Apesar da raiva poder estar presente em diversos animais, como morcegos e cavalos, a classe mais responsável pela transmissão da raiva em seres humanos ainda são os animais domésticos. Mas este tipo de animal também é o mais fácil de ser tratado, uma vez que está mais acostumado com o tipo de tratamento preventivo para que não pegue a doença, como é o caso das vacinas. Os sintomas mais conhecidos para identificação da raiva em animais domésticos são os seguintes: animal começa a babar muito mais do que o comum, sendo que a saliva escorre pelos cantos da boca e o animal não tem mais controle sobre a mesma; o animal fica mais agressivo e também com medo de outros animais e de seus donos; pode acontecer também a paralisia de alguns músculos do rosto do animal.
Quando um humano for mordido por um animal raivoso, devem ser tomados os seguintes cuidados:

Dificuldade
Fácil
Instruções
  1. 1

    A primeira coisa que deve ser feita na ocasião de uma mordida de qualquer animal é lavar bem o local do ferimento com água corrente em abundancia e também utilizando algum tipo de produto de limpeza neutro, como sabão. Tenha cuidado na hora de passar o sabão, mas deixe o local do ferimento bastante tempo embaixo da água.

  2. 2

    Após a higienização do local, passar algum medicamento destinado a limpeza de feridas, com mercúrio-cromo. É importante ter cuidado com o curativo que irá ser feito na ferida.

  3. 3

    Depois disso, é importante levar a vítima ao médico imediatamente. Assim, os riscos da pessoa pegar qualquer tipo de doença será bem menor.

  4. 4

    Lembre-se que mesmo que os animais não demonstrem qualquer sinal de raiva, eles podem estar contaminados. Portanto, é importante manter tanto a pessoa que foi mordida quanto o animal em observação pelo tempo de 10 dias.

Comentários
blog comments powered by Disqus