» Saúde » Doenças e Enfermidades » Doenças do couro cabeludo: possíveis causas

Doenças do couro cabeludo: possíveis causas

Galeria
Doenças do couro cabeludo: possíveis causas

Problemas com o couro cabeludo são considerados comuns e as causas podem ser diversas: estresse, piscina em excesso, shampoo ou cosméticos inadequados, mas também podem indicar um problema de saúde maior. Recomenda-se prestar atenção em pequenos sintomas que o organismo manifesta, pois podem indicar uma doença que vai além do incômodo local, sendo necessária uma intervenção médica com urgência.

Instruções
  1. 1

    A dermatite seborreica é uma inflamação crônica da pele que ocorre predominantemente nas áreas de maior produção de oleosidade pelas glândulas sebáceas. Pessoas com oleosidade excessiva estão mais pré-dispostas a ter este problema que é causado por fungos, má alimentação ou problemas psicológicos, como o estresse, a depressão e a ansiedade.

    Para aliviar o problema, lave os cabelos somente com água morna, use um anticaspa de boa qualidade, alternado com um shampoo de uso diário ou anti-resíduos. Use o condicionador somente do comprimento às pontas do cabelo, evitando a região da raiz.

  2. 2

    O cisto sebáceo é um nódulo que cresce abaixo da superfície da pele, normalmente em formato redondo e macio. Não é considerado um câncer, mas caso o cisto cresça demais ou cause dor, é preciso retirá-lo, mas na maioria das vezes não requer cuidados médicos. A origem deste cisto, como próprio nome diz, é nas glândulas sebáceas (sebo), por esse motivo não é necessário preocupações e nem cirurgias, a menos que o paciente se incomode com o nódulo e solicite a sua retirada.

  3. 3

    A micose de couro cabeludo é uma infecção da pele do couro cabeludo causados por fungos e bactérias. É uma micose superficial, mais comum em regiões tropicais e subtropicais, e acomete frequentemente crianças menores de 10 anos. O contágio é feito por contato direto ou por utilização de objetos pessoais utilizados pelo doente. A doença afeta mais os meninos por conta dos cabelos curtos, pois o couro cabeludo fica mais sucessível à proliferação dos fungos.

  4. 4

    A GVG (Cutis verticis gyrata) é considerado uma doença rara e sem causa específica. A doença causa dobras visíveis que se assemelham a um cérebro no couro cabeludo e ocorre durante ou após a puberdade. Por ser lenta a progressão, muitas vezes passam despercebidas na fase inicial. Esse mal, na primeira fase, pode ser associado a distúrbios neuropsiquiátricos, incluindo paralisia cerebral, epilepsia, convulsões e alterações oftalmológicas, sendo a mais comum a catarata. Na segunda fase, ocorrem diversas alterações hormonais que provocam alterações na estrutura do couro cabeludo. Processos inflamatórios diversos, como a psoríase, também estão presentes na nesta fase.

Dicas e AVISOS
Comentários
blog comments powered by Disqus