» Dinheiro » Finanças Pessoais » Financiamento da seguridade social

Financiamento da seguridade social

Galeria
Financiamento da seguridade social

A Seguridade Social é um benefício concedido junto a várias políticas sociais que visa a amparar o cidadão e a sua família em caso de desemprego, doença e velhice, de modo a garantir o bem-estar dos indivíduos. A Previdência Social é o órgão responsável de organizar o programa.

A distribuição do benefício é feita pelo Instituto de Seguro Social com a ajuda de secretarias municipais e assistências sociais. O programa recebe este nome pois é financiado por toda a sociedade de maneira direta ou indireta, esta lei está prevista na Constituição Brasileira. Confira abaixo mais informações sobre o financiamento da Seguridade Social.

Dificuldade
Fácil
Instruções
  1. 1

    A Seguridade Social é custeada através dos recursos obtidos pela União, Estados e Distritos. A contribuição é feita por empregados, pelas empresas e outras entidades e possuam ou não vínculos empregatícios. A Lei 195 da Constituição Brasileira prevê que todo o cidadão deve contribuir com o Seguro Social.

  2. 2

    Dessa forma quando o indivíduo precisar ele poderá requerer o auxílio concedido pela Seguridade Social e, para que isso aconteça é necessário fazer a contribuição mensalmente, caso haja atraso será cobrada uma multa de 0,1% mora. No decorrer do tempo pode haver variações no valor que é recolhido.

  3. 3

    Toda a empresa que esteja regular deverá estabelecer a taxa de recolhimento sobre o salário do funcionário. Quando indivíduo estiver precisando do dinheiro fornecido pelo benefício, em caso de velhice, problemas de saúde ou desemprego, ele deverá procurar a Previdência Social e fazer a sua solicitação.

  4. 4

    Para requerer o benefício o cidadão terá que apresentar os seus documentos como, por exemplo, RG, CPF e Carteira de Trabalho para comprovar que ele realmente contribuiu com o Seguro Social durante o tempo em que esteve empregado. O tempo em que a pessoa ficará recebendo vai depender do tempo em que ele estará impossibilitado de trabalhar, salvo em caso de velhice, quando o benefício se torna permanente.

  5. 5

    Não são apenas as instituições públicas que podem oferecer a Seguridade Social, uma vez que outros órgãos de caráter filantrópico podem recolher e pagar a contribuição, porém neste caso deve ser feito um acordo com a Previdência Social, para que seja dada a autorização.

  6. 6

    Para que isso aconteça é preciso passar por um processo de avaliação, onde será estudada a procedência da entidade, quem será beneficiado, entre outras coisas. Somente através das observações e comprovações é que será possível realizar o recolhimento.

Dicas e AVISOS
  • A seguridade Social é financiada pela contribuição direta ou indireta do cidadão.
  • A seguridade Social ampara o cidadão em caso de velhice, problemas de saúde ou desemprego.
Comentários
blog comments powered by Disqus