» Família » Bem-Estar da Família » Gravidez psicológica: saiba mais

Gravidez psicológica: saiba mais

Galeria
Gravidez psicológica: saiba mais

Saiba mais sobre gravidez psicológica. Diferente da gravidez normal, a psicológica não possui feto. Porém ocorre aumento do abdome e dos seios da mulher. Já a gravidez fisiológica é a que possui gestação, que tem feto de verdade. Melhor dizendo, gravidez psicológica é uma fantasia da mulher. Ela acredita firmemente que está realmente grávida. Mesmo que a prova de realidade ou seja, exame médico diga que não. Não tem valor nenhum pra ela. Quando uma mulher está numa gravidez psicológica ela pensa de verdade que esperando um bebê e por isso o seu corpo responde, fazendo com que ela tenha mais certeza disso.

Dificuldade
Fácil
Instruções
  1. 1

    Um exemplo disso é que quando uma mulher esta vivenciando uma gravidez imaginária, ela pode sentir os mesmos sintomas que as mulheres que realmente estão sentindo. Muitas sentem enjoo, desejos e em alguns casos raros é possível que até produzam leite. O crescimento da barriga nesses casos são dadas pelo fato de elas comerem muito mais que o normal. Elas pensam que estão grávidas então pensam que tem que comer por duas pessoas.

  2. 2

    O que realmente acontece é o acumulo de gordura no abdome. Fazendo parecer que a barriga esta realmente crescendo porque está gravida. Muitas mulheres com gravidez imaginária confundem os gases com o bebê se mexendo no útero. Isso geralmente nunca acontece por uma única razão, alguns sintomas de porque isso acontece são: baixa auto estima, sentimentos de rivalidade, insegurança, não saber lidar com as frustrações. E o forte desejo de ter um filho sempre é a principal causa. Em muitos casos, as mulheres se sentem pressionadas a terem um filho, seja pela família ou marido. Assim gerando um bebê imaginário. Claro que também há mulheres que só querem garantir o namorado ou marido por perto. E pensam que um filho pode ser a solução do problema no relacionamento. Os casos mais comuns são em mulheres mais velhas que sofrem por distúrbios hormonais que interferem assim a menstruação ou são inférteis. Próximas da época de menopausa. Mulheres mais jovens também podem ter risco de uma gravidez imaginaria.

  3. 3

    Quando chega a hora da verdade, são bem variáveis as situações. Muitas delas sentem alívio quando descobrem que não estão gravidas. Mas geralmente a grande maioria tem susto e decepção quando descobrem a verdade. É possível um tratamento para curar a falsa gravidez. Mas as mulheres não se preocupam em procurar ajuda psicológica. Porque se elas procurarem saberão que não tem o bebê. Nesses casos é recomendável muito o apoio da família.

Comentários
blog comments powered by Disqus