» Casa » Segurança e Dicas Domésticas » Nota fiscal eletrônica RJ

Nota fiscal eletrônica RJ

Galeria
Nota fiscal eletrônica RJ

Nota fiscal é um documento que se recebe para meio de comprovar a transferência de uma atividade ou bem comercial prestado por outro, seja ele pessoa física ou jurídica. A mesma é necessária para que a empresa ou pessoa prestadora de serviço pague os devidos impostos ao governo, estes que voltarão em forma de serviço para a população. Por fim a nota fiscal tem a utilidade de comprovante de compra, posse e é utilizada também na hora de cancelamentos e trocas.

Agora vamos falar de nota fiscal eletrônica, conhecida como NFS-e, esse documento substitui os cupons fiscais tradicionais, facilitando ainda a vida dos prestadores de serviços e comerciantes, pois o cidadão recebe sua nota em seu e-mail sem maiores problemas após a compra.

Instruções
  1. 1

    O primeiro passo para fazer parte do programa nota carioca é fazer o cadastramento de senha, que pode ser feito da seguinte maneira: Entre no site Nota Carioca, no menu esquerdo você vai encontrar a sessão ‘cadastramento de senha’ onde você vai colocar os dados da conta corrente para futuros depósitos de ganhos com a NFS-e, porem essa opção só estará disponível no dia primeiro de março de 2013.

    Acessando o sistema, para entrar no painel da nota fiscal você deve acessar o link daNota Carioca, nessa área você vai logar usando cpf ou cnpj e senha cadastrada para web, nesse painel você terá as seguintes funcionalidades:

    Para pessoas físicas e jurídicas comuns, o sistema esta disponível para consultar as notas fiscais eletrônicas recebidas.
    Para pessoas prestadores de serviço o sistema emite as NFS-e, sendo assim terá acesso a todas as funções do sistema. Pessoas jurídicas responsável tributaria emitira através do sistema a guia de recolhimento do ISS retido e também consultar as notas recebidas.

    Já o contador terá acesso para consultar notas emitidas e recebidas por seus clientes, tendo também a opção de emitir guias de pagamentos sobre as mesma desde que autorizado.

  2. 2

    Depois de efetuar o procedimento acima, basta você informar seu CPF em todas as suas compras, então o sistema fará os devidos cálculos, lembrando que parte do ISS é recolhido para o cliente, são 10% para pessoas físicas.

  3. 3

    Para receber sua parte da contribuição de imposto que constam em seu CPF você não precisa fazer nada, o dinheiro é debitado automaticamente em sua conta corrente, para acompanhar o processo basta entrar em sua conta, como descrito no passo 1. Lembrando que você pode usar seus saldos para abater o IPTU, mas o mesmo só pode ser abatido até 50% e conforme a lei os créditos são validos apenas para abatimentos para o IPTU de 2014, ou seja ano seguinte.

Comentários
blog comments powered by Disqus