» Alimentos » Receitas » Passo a passo artesanato

Passo a passo artesanato

Galeria
Passo a passo artesanato

O artesanato é uma atividade que ganha cada vez mais adeptos em todo o Brasil. São pessoas de todas as idades, desde idosos até adolescentes. Mas não é difícil entender a razão. Criar com as próprias mãos traz inúmeros benefícios: independência, liberdade, estímulo à criatividade e ocupação produtiva do tempo são apenas alguns.

Além disso, o mercado de artesanato evoluiu muito desde o tempo de nossas avós. O que antes demorava horas para ser feito, hoje leva minutos. Nas grandes lojas de material para artesanato é possível encontrar diversas ferramentas modernas que facilitam o trabalho. São cortadores, papéis especiais, colas específicas, enorme variedade de tintas, moldes e utensílios específicos para ajudar o artesão em cada passo da criação.

Um outro chamariz que tem atraído muitas pessoas a esse mercado é a possibilidade de obter uma renda extra. Cada vez mais a personalização de peças é procurada pelos clientes e essa é a maior vantagem competitiva dos produtos artesanais. Por mais atraentes e variadas que sejam as roupas dos shoppings centers, nenhuma delas oferece o nível de customização da peça feita manualmente. Modifica-se de tudo, desde a cor de um tecido até o modelo do zíper. É possível customizar enxovais de bebê, criar lembrancinhas em formatos e cores sob medida, decorar a casa de forma 100% exclusiva, costurar roupas customizadas e muito mais.

As possibilidades são infinitas. Dependem somente da criatividade do cliente e da habilidade do artesão. Nesse artigo, nós apresentamos um roteiro básico sobre como começar a trabalhar com artesanato.

Instruções

Coisas que você precisa

  • Plataforma de loja virtual
  • Material de divulgação (nome do atelier, slogan, logotipo, cartão de visita etc)
  • Máquina fotogrática
  1. 1

    Compre o material de trabalho. O melhor local para comprar são as grandes lojas de artesanato pois a variedade é grande e os preços são atraentes.

  2. 2

    Crie algumas peças e faça um pequeno estoque. Dessa forma você poderá testar a saída do produto e agilizar a entrega.

  3. 3

    Comece vendendo para amigos e parentes, mas não deixe de montar uma loja virtual para expandir seus negócios. Busque na Internet portais de artesanato que atuam como vitrine para os produtos dos artesãos. Esses portais já são configurados com sistemas de pagamento, possuem todas as ferramentas de venda virtual, são extremamente simples de utilizar e o custo é baixíssimo para o artesão.

  4. 4

    Invista em um logotipo atraente e na criação de um nome para seu atelier. Sites de crowdsourcing (competição de criação) são ótimos para auxiliar artesãos a profissionalizar o material de divulgação. É possível solicitar, a preços muito amigáveis, a criação de material gráfico como cartão de visita, criação do nome do seu atelier e até um slogan.

  5. 5

    Tire fotos caprichadas dos produtos para colocar em sua loja virtual mostrando todos os ângulos dos produtos. Lembre-se: em vendas via Internet, o cliente não terá a oportunidade de manusear os produtos. Dessa forma, as fotos devem possuir ótima definição. Faça uso de programas gráficos gratuitos disponíveis na Internet para ajustar foco, nitidez e luz.

  6. 6

    Divulgue seu trabalho nas redes sociais e mantenha as páginas constantemente atualizadas. Crie um blog, compartilhe dicas sobre artesanato e participe de comunidades virtuais. Iniciativas assim geram tráfego de visitantes e são ótimas para tornar sua loja conhecida.

  7. 7

    Embale os produtos adequadamente antes de enviá-los ao cliente. Utilize caixas de papel específicas para transporte pelos Correios. Embrulhe as peças com plástico bolha e preencha os vazios da caixa com papel pardo ou mesmo folhas de revista. Tenha em mente que o custo de reenvio de um produto que chega danificado por transporte é muito maior do que o investimento em embalagens adequadas.

Dicas e AVISOS
  • Material de trabalho artesanal (o que você definir)
  • Ao tirar fotos dos produtos, nunca use celular pois as fotos não terão qualidade suficiente. Prefira máquina fotográfica.
Comentários
blog comments powered by Disqus