» Saúde » Pilates com bola: saiba fazer

Pilates com bola: saiba fazer

Galeria
Pilates com bola: saiba fazer

Um dos exercícios mais benéficos para a saúde é o exercício de pilates com bola. Há variadas posições pelas quais o exercício pode ser realizado, neste passo a passo você aprenderá como realizar cada movimento de forma específica, de modo a conseguir trabalhar os melhores músculos. Assim, atente-se para cada dica mencionada.

Instruções
  1. 1

    Primeiramente é necessário que você se atente para o tipo de bola a ser utilizada. A bola específica para este tipo de exercício é a famosa bola de borracha, usada nas academias em geral. Um primeiro movimento de pilates, sendo um dos mais conhecidos, é aquele no qual você deve deitar por cima da bola, mantendo os pés um pouco afastados, dando uma leve flexionada aos joelhos. Este movimento é excelente para trabalhar a parte central das coxas e das costas. Permaneça nesse movimento por 20 segundos, realizando quatro repetições.

  2. 2

    Um segundo movimento de pilates com a bola é aquele realizado com a parte frontal do peito sobre a bola. Este exercício você pode realizá-lo de duas maneiras, a mais fácil é apoiar-se com os pés ao chão e inclinar o tronco um pouco para baixo, de forma que o equilíbrio seja mantido. Uma segunda forma, um pouco mais difícil e recomendada geralmente para pessoas que já possuam alguma intimidade com o pilates, é aquele movimento em que se apoia o peito sobre a bola, de modo que os pés devagar vão deslocando-se do chão, de maneira que você consiga se estabilizar sobre a bola sem o auxílio dos pés. Mantenha se nessa posição por cerca de 15 segundos, com três repetições.

  3. 3

    Terceiro movimento com pilates é aquele realizado com as costas totalmente sobre a bola, sendo que os braços e os pés devem juntar-se, aproximando-se ao exercício do polichinelo, de modo que você fique esticado sobre a bola, como se estivesse alongando todo o corpo. Importante dar de 10 a 20 segundos neste movimento, com quatro repetições.

  4. 4

    Outro movimento de pilates bastante eficaz é aquele em que você deve manter as mãos sobre o chão, de modo que seus joelhos se fixem sobre a bola. A posição das mãos neste movimento específico é bastante importante para que se mantenha a estabilidade de todo o corpo. Fique nesta posição de 10 a 12 segundos, por três repetições. Ótimo exercício para a parte do tórax e abdômen.

  5. 5

    Mais uma variação do pilates é o movimento realizado de maneira que uma das pernas permaneça esticada no chão, sendo que a outra com o auxílio de um dos braços, deve ser levantada, de modo a parecer que esteja alongando o corpo. Repita o mesmo movimento com a outra perna e com o outro braço. Por ser essa posição um pouco mais dificultosa realize-a por 10 segundos, em três repetições.

  6. 6

    Ótimo exercício de pilates e com um grau de dificuldade um pouco mais elevado, é aquele que você deve segurar a bola entre as pernas, levantando-as levemente e esticando os braços conjuntamente para a frente. Permaneça nessa posição de 10 a 15 segundos. Esse exercício é recomendado para o alinhamento das costas e para a fortificação dos braços, abdômen e pernas.

  7. 7

    Para trabalhar a parte lateral do tronco deite de lado sobre a bola. Você pode realizar esse exercício com as pernas esticadas ou com os joelhos um pouco flexionados, de modo a facilitar a posição e a realização do exercício. Após, vire-se do outro lado e repita o mesmo movimento. Mantenha-se nessa posição de 25 a 30 segundos, com quatro repetições.

Comentários
blog comments powered by Disqus