» Hobby » Carros » Scorro rodas: como consertar

Scorro rodas: como consertar

Galeria
Scorro rodas: como consertar

As rodas Scorro são conhecidas no mercado Brasileiro pelo seu design arrojado, resistência e qualidade. A fábrica que fica no interior de São Paulo, certificada pela ISO 9001 desde 2008, dispõe de um parque industrial invejável, ocupando uma área de aproximadamente 15 mil metros quadrados.

Todo o aparato tecnológico por traz da beleza estética assegura a performance e a economia dos componentes e consumíveis do veiculo. Todavia, mesmo uma roda produzida com a mais alta tecnologia é susceptível a danos causados por choques em condições adversas. Estes danos, que em uma peça de qualidade inferior poderia causar a inutilização e perda total, no caso das rodas Scorro, devido a sua altíssima resistência, podem ser reparadas.

Veja neste artigo como consertar as rodas Scorro e mantê-las sempre nas condições físicas e mecânicas de quando foram adquiridas da fábrica.

Dificuldade
Fácil
Instruções

Coisas que você precisa

  • Martelo de borracha ou silicone dureza 50 porcento.
  • Lima mursa de 12 polegadas.
  • Morsa número oito ou maior.
  • Espatula de Nylon.
  • Três folhas de Lixa d´agua 400.
  • Tapetes de borracha para assentar as rodas.
  • Tinta para alumínio na cor desejada.
  • Duas folhas de Lixa d´agua 600.
  • Uma folha de Lixa d´agua 320.
  • Macaco elevador, de preferência hidraulico.
  1. 1

    Ponha o veículo em um lugar plano e retire as rodas dianteiras. Coloque os cepos de madeira sob o cárter ou caixa de câmbio, centralizados em relação ao eixo transversal do carro, cuidando para não apoiar em locais frágeis ou tubulações.

    Eleve um dos lados, pondo o macaco mais próximo da parte de trás do veículo e retire uma das rodas traseiras. Coloque cepos de madeira sob o calço do amortecedor e arrie vagarosamente o macaco até assentar perfeitamente. Execute o mesmo processo do outro lado do veículo.

  2. 2

    Extraia todos os pneus das rodas e marque as posições de que foram retirados. Retire os anéis centralizadores de todas as rodas Scorro que vai consertar. Substitua os anéis que apresentarem folga. Lime com cuidado os calombos na borda, se houverem. Acerte com o martelo de silicone as irregularidades. Dose as pancadas para não provocar trincas.

  3. 3

    Lixe a superfície externa da roda usando em sequência as lixas 320, 400 e 600. Use bastante água no lixamento. Depois de removido todos os arranhões, seque bem as rodas, isole com fita crepe as seções que não devem entrar em contato com a tinta e aplique uma demão de primer. Deixe secar e lixe somente com a lixa 600. Aplique uma demão de tinta para alumínio na cor escolhida. Deixe secar pelo tempo indicado pelo fabricante, lixe novamente e aplique uma segunda demão. Remonte as rodas conforme a marcação inicial.

Dicas e AVISOS
  • Cepos de madeira para calçar o veiculo.
  • Faça rodízio das rodas a cada três ou quatro meses de uso contínuo do veículo.
  • Alguns reparos podem violar o contrato de garantia.
  • Jamais improvise materiais ou peças das rodas ou de outra parte do veículo.
  • Não execute serviços nem se utilize de equipamentos para os quais não tenho preparo técnico.
  • Não ponha o veículo em movimento com o(s) pneu(s) vazio(s).
Comentários
blog comments powered by Disqus