» Família » Bem-Estar da Família » TPM sintomas

TPM sintomas

Galeria
TPM sintomas

A síndrome pré-menstrual (TPM) ocorre entre cinco a dez dias antes antes do surgimento da menstruação, sendo um distúrbio causado por desequilíbrios hormonais. Embora não haja uma causa determinada para a sua ocorrência, a síndrome se encontra relacionada com o aumento de estrogênio e/ou diminuição da progesterona no organismo feminino no período que antecede a menstruação, originando diversos sintomas físicos e psicológicos de desconforto.

Dificuldade
Fácil
Instruções
  1. 1

    Os sintomas físicos da TPM incluem cefaleia, inchaço e/ou dor nas regiões abdominal e mamária, vômitos, surgimento de acne (ou agravamento de problemas dermatológicos já existentes), enjôo, dores musculares, fadiga, diminuição da libido e consequente perda do desejo sexual, aumento de peso provocado pelo processo de retenção de líquidos, cólicas, diarreia e palpitações.

  2. 2

    Psicologicamente, a mulher pode ser afetada pela síndrome pré-menstrual através de manifestações de irritabilidade, agitação, raiva, ansiedade, aumento significativo da sensibilidade emocional, insônia, cansaço, tendência a deprimir e à ocorrência de episódios de choro e baixa auto*estima, raiva e dificuldade de concentração.

  3. 3

    Este desequilíbrio hormonal possui aproximadamente 200 sintomas, sendo que a sua intensidade difere de acordo com cada mulher. Existem alguns truques simples que poderão ser colocados em prática para amenizar o quadro de instabilidade, como a ingestão de chá de canela, que acelera a antecipação da menstruação e permite a cessação do mal-estar provocado pelos sintomas físicos e psicológicos.

    Por outro lado, a prática de uma atividade física de intensidade moderada (como caminhar, nadar ou dançar) e a medicação através de comprimido anticoncepcional (como a pílula de utilização contínua, que modifica o ciclo menstrual) são duas soluções que aliviam significativamente o desconforto causado pela TPM.



Dicas e AVISOS
  • Quando estiver em repouso na cama, deite-se de bruços e coloque um travesseiro por baixo da barriga.
  • Tente cumprir um mínimo de oito horas de sono diárias.
  • Durante o período em que sofrer com a TPM, priorize a ingestão de águas, chás e sucos naturais para auxiliar na eliminação do volume de líquidos retidos pelo organismo. Vigie a sua alimentação e dê preferência a legumes, fruta, cereais, carnes brancas e peixe, evitando alimentos processados, doces e/ou com elevado teor de gordura na sua composição.
  • Faça do seu médico ginecologista uma visita anual obrigatória, procurando manter os seus exames clínicos atualizados. Mesmo em caso de dor extrema, evite a auto-medicação, uma vez que só este profissional de sáude se encontra devidamente habilitado a realizar um diagnóstico personalizado e a prescrever a medicação adequada para o seu caso.
Comentários
blog comments powered by Disqus