Abelhas: como espantar e tratar picadas

Como espantar abelhas?

As abelhas podem entrar na casa por espaços com menos da metade do seu tamanho. Pena que não é tão fácil se livrar delas do mesmo jeito que é para elas entrarem. Podem espremer-se em lugares pequenos e criarem ninhos dentro de paredes fazendo com que mesmo exterminadores profissionais tenham dificuldade de exterminá-las e tornando o serviço.

Antes de iniciar o processo tenha certeza de saber com qual tipo de abelhas está lidando, pois as abelhas podem reagir de forma diferente.

Feche todas as entradas que as abelhas fizeram dentro de casa com massa de vidraceiro e calafetagem. Dessa forma elas não irão entocar-se em outro lugar e simplesmente irão esperar e morrer. Você poderá dizer que é uma abelha carpinteira se as entradas forem perfeitamente redondas.

Faça as abelhas ficarem loucas usando o aspirador no pequeno ninho. O ninho deve ser novo e o processo deve ser feito no início da noite quando as elas estiverem no ninho.

Cutuque o ninho com uma vara, enquanto outra pessoa espera fora da abertura com o aspirador. Cubra a área tratada com massa e pinte para que as abelhas não voltem mais.

Livre sua casa de ninhos de abelhas de mel no início da primavera, quando há menos mel e menos abelhas no ninho.

Escolha um belo dia ensolarado e espere até o final da tarde quando todas as abelhas estiverem na colmeia.

Toque as paredes da casa para tentar ouvir o zumbido das abelhas. Você terá que abrir a parede para dedetizar a colmeia e remover os remanescentes. Aplique o inseticida e espere por uma hora para deixar todas as abelhas sobreviventes saírem do ninho. As abelhas vão sair do ninho e ir para outra área de sua casa.

Remova tantas abelhas mortas da casa quanto puder. Também retire o favo e o mel. Esquecer o favo e o mel pode ser desastroso, pois pode derreter e escoar mel através de paredes e teto.

Dicas

Não se influencie por inseticidas mais baratos ou outras opções, pois pode não ser eficaz na remoção da colmeia e abelhas.

Remova a colmeia assim que a identificar. Abelhas tornam-se beligerantes, uma vez que fazem colmeia e iniciam a produção de mel.

Nunca se aproxime de uma colmeia sem roupa adequada e com proteção, pois as abelhas são perigosas e podem causar a morte de seres humanos.

Como tratar picada de Abelha?

As picadas de abelhas são muito comuns nas grandes cidades, em Recife, por exemplo, os chamados relacionados a enxames de abelhas representa 33% das ocorrências registradas no Corpo de Bombeiro local, dessas 2 ou 3 envolvem ataques a pessoas.

Segundo site especializado, no Brasil já foi registrado casos em que o paciente apresentava quinhentas picadas de abelhas, é importante tratar a picada da abelha como qualquer outra de animal venenoso. Em todo o mundo existem cerca de 20 mil espécies de abelhas, o tamanho pode variar entre 2 mm a 4 cm, as cores são variadas, há pretas, cinzas, amarelas, vermelhas, entre outras.

As abelhas africanas, também conhecidas como assassinas, habitam grandes espaços no Brasil, essa ocupação se deu após um acidente em 1957 na cidade de São Paulo, na ocasião vários enxames escaparam das suas colméias.

Efeitos da picada

Dependendo da gravidade e da quantidade de abelhas envolvidas nas picadas, é muito importante procurar auxílio médico, recomenda-se que caso a pessoa seja atacada por 15 abelhas se dirija imediatamente ao hospital. Cada organismo reage de maneira diferente, enquanto em alguns a picada provoca apenas dor e inchaço, em outros pode causar choque anafilático, com parada cardíaca, levando até a morte, em pessoas alérgicas.

Como tratar?

O primeiro passo na hora de tratar a picada da abelha é tirar o ferrão que se instala na pele após o ataque, é importante ter cuidado na hora de fazer essa remoção, o ideal é que ele não se parta na hora que for retirado, você pode espremer usando dois dedos, caso tenha dificuldade você pode usar uma pinça, a dor provocada por esse ferrão dura cerca de três a seis horas.

Em seguida passe um algodão embebido em álcool, você pode trocar o álcool por um creme anti-histamínico ou por uma solução feita com uma colher de chá de bicarbonato de sódio e um copo de água, para reduzir o inchaço massageie com gelo, a coceira e inchaço desaparecem em alguns dias. Rodelas de cebolas podem aliviar a dor em alguns casos.

Caso a ferroada tenha sido na boca e garganta é importante conter o inchaço para que não comprometa a respiração, nesse caso é recomendado ingerir alimentos gelados como sorvete, ou chupar gelo ou até mesmo tomar água gelada, em seguida é importante se dirigir até o hospital mais próximo.

Reduza os riscos de picadas

Uma boa forma de evitar ser picado por uma abelha é conhecer os seus hábitos, assim é possível reduzir o risco de ser atacado, caso você for em algum lugar onde provavelmente encontrará esses animais use roupas claras, evite usar perfumes ou sprays de cabelos, movimentos bruscos e excessivo próximo às colméias são proibidos, assim como máquinas barulhentas e a remoção de colméia, estas devem ser retiradas apenas pelo corpo de bombeiro local.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *